Ao mestre, com carinho!



José Carlos Buosi, na década de 70, foi professor de Português no Ginásio Estadual de Vila Munhoz, na Vila Maria, São Paulo. A foto acima, quarenta anos depois. A crônica: “Ao mestre, com carinho” escrevi em homenagem a ele, que tanto marcou a minha vida escolar.

Viajo no túnel do tempo. Estou na década de 70, precisamente no ano de 1972, na capital paulista. Tenho treze anos de idade e curso a antiga terceira série ginasial. Três professores marcaram a minha adolescência estudantil: dois de Português e um de Matemática.
         “Seu” Valter talvez ainda não completara 30 anos, porém, sua cara fechada, seu sorriso irônico e, principalmente, sua estupidez faziam-me acreditar que beirava os 40. Adentrava na sala de aula silencioso e, ao ouvir o burburinho dos alunos, no intervalo de uma disciplina para outra, postava-se ao lado da mesa, erguia o apagador de madeira compacta, com o braço em total elevação, e soltava-o em cima da mesa pesada de madeira. O barulho soava como um tiro e os alunos assustados viam seu olhar aterrador, banhado por um sorriso irônico e tétrico. Essa era a sua forma de cumprimentar seus alunos e exigir silêncio.
         Sua disciplina era a Matemática, que passou a ser a mais odiada de todas as matérias, por boa parte de seus alunos. Se a matéria não era assimilada, pouquíssimos se arriscavam a dizer que não entenderam, pois o professor, na sua didática ignorante, faltava chamar o aluno de burro por isso. E gostava de expor-nos ao ridículo. Chamava ao quadro, para resolver às questões, justamente aqueles que ele sabia que não conseguiriam. E aumentava-lhes a vergonha, exigindo que resolvessem, mesmo quando o aluno dizia que não sabia. E ele insistia, e ordenava-lhes que tentassem, para sorver o gostinho de ver tanto absurdo criado pelo aluno na tentativa desesperada de cumprir as ordens.
         Foi a marca mais atroz que eu trouxe dessa disciplina, muito embora eu não tivesse tanta dificuldade. Mas o que não consegui aprender só foi resolvido anos depois, em outra escola e com uma professora amante da matemática e interessada no aprendizado de seus alunos.
         Da disciplina de Português, guardo valiosíssimas lembranças. Desde a minha alfabetização, aos sete anos de idade, encantei-me com as palavras, primeiramente, com a poesia que, dada a minha facilidade para decorar, declamava-a sempre nas festas cívicas da escola. Vêm, da professora do antigo primário, os primeiros incentivos ao me elogiar pelas diversas leituras em voz alta a que ela me submetia nas aulas. Só no ginásio, aos 12 anos de idade, vim descobrir a mágica das metáforas. E cabe – aos meus dois excelentes professores de Português: José Carlos e senhor Aristeu, amantes da língua portuguesa e, por isso, entusiasmados e inovadores em suas aulas, conseguindo que assimilássemos a matéria de forma lúdica e por meio de outras artes: da música, por exemplo – o meu amor pelas palavras.
         O ano era 1972 e eu estava na terceira série ginasial (oitavo ano, hoje). O professor José Carlos, sempre alegre e sorridente (gostava de empregar o verbo amar em seus exemplos), adentrou na sala com um antigo gravador a pilha. Colocou a fita cassete e a música, “Minha História”, de Chico Buarque, começou a tocar:
         “Ele vinha sem muita conversa, sem muito explicar. E só sei que falava e cheirava, e gostava de mar. Sei que tinha tatuagem no braço e dourado no dente. E minha mãe se entregou a esse homem, perdidamente. .. Esperando parada, pregada na pedra do porto, com seu único e velho vestido cada dia mais curto…”
               Nenhum barulho se fazia na sala. Estávamos extasiados.
            Não dava as respostas. Atiçava a nossa curiosidade, fazendo-nos enveredar pela mágica da poesia:
·    Descobrimos que o homem era um cigano: “… tinha tatuagem no braço e dourado no dente.”;
·        A existência da aliteração: “… esperando parada, pregada na pedra do porto”;
·  A mulher estava grávida: “com seu único e velho vestido cada dia mais curto…”
         Passados exatos quarenta anos, e parafraseando a poetisa mineira, Adélia Prado: “o que o coração guarda a memória não esquece”, afirmo: é inesquecível.
        
         Hoje, quando deito palavras no papel, quer seja em verso ou em prosa, é impossível não recordar daqueles que foram a mola propulsora pela opção do meu caminho às letras, além de serem os primeiros responsáveis pelo conhecimento linguístico que adquiri e levarei para o resto da minha vida.
         Cada conquista de um prêmio literário é dedicada aos mestres da minha vida escolar.
 A eles, o meu carinho e a minha eterna gratidão!

3.230 thoughts on “Ao mestre, com carinho!

  1. Hmm it seems like your site ate my first comment (it was
    extremely long) so I guess I’ll just sum it up
    what I wrote and say, I’m thoroughly enjoying your blog.

    I as well am an aspiring blog writer but I’m still new to the whole thing.
    Do you have any points for inexperienced blog writers?
    I’d genuinely appreciate it.

  2. Hi, I do think this is a great website. I stumbledupon it 😉 I am going to
    return yet again since I bookmarked it. Money and freedom
    is the best way to change, may you be rich and continue to guide others.

  3. Hi there are using WordPress for your site platform? I’m
    new to the blog world but I’m trying to get started and create my own. Do you need any coding knowledge to make your own blog?
    Any help would be really appreciated!

  4. Do you have a spam problem on this website; I also am a blogger, and I was curious about your
    situation; we have created some nice practices and we are looking to trade solutions
    with other folks, be sure to shoot me an email if interested.

  5. Its such as you read my mind! You seem to understand a lot about this,
    such as you wrote the guide in it or something.
    I believe that you simply can do with a few p.c. to power the message house a bit,
    however other than that, this is great blog.
    A great read. I will certainly be back.

  6. Howdy, There’s no doubt that your web site might be having browser compatibility problems.
    When I take a look at your blog in Safari, it looks fine
    however, when opening in I.E., it has some overlapping issues.

    I simply wanted to provide you with a quick heads up!
    Other than that, great blog!

  7. We absolutely love your blog and find almost all of your post’s to be exactly I’m looking for.
    Do you offer guest writers to write content for you personally?
    I wouldn’t mind producing a post or elaborating on most of the subjects you write concerning here.
    Again, awesome web site!

  8. Hi! I know this is kinda off topic however I’d figured I’d ask.

    Would you be interested in trading links or maybe guest writing a blog article
    or vice-versa? My site addresses a lot of the same topics as yours and I believe we could greatly
    benefit from each other. If you might be interested feel free to send me an email.
    I look forward to hearing from you! Great blog by the way!

  9. I’ve been browsing online more than three hours as of late, yet I by no means discovered any attention-grabbing article like yours.
    It’s lovely value enough for me. In my opinion, if
    all site owners and bloggers made good content
    material as you probably did, the web will likely be much more helpful than ever before.

  10. I’m extremely impressed with your writing skills as well
    as with the layout on your blog. Is this a paid theme or did you modify it yourself?
    Anyway keep up the excellent quality writing, it is rare to see a
    great blog like this one these days.

  11. Its like you read my mind! You seem to know
    a lot about this, like you wrote the book in it or something.
    I think that you could do with a few pics to drive the message home a bit, but other than that, this is wonderful blog.
    A great read. I’ll definitely be back.

  12. Please let me know if you’re looking for a writer for your blog.

    You have some really good posts and I believe I would be a good asset.
    If you ever want to take some of the load off, I’d really
    like to write some content for your blog in exchange for a
    link back to mine. Please blast me an e-mail if interested.
    Thanks!

  13. Excellent weblog right here! Also your web site rather a lot up fast!
    What host are you the usage of? Can I get your associate
    link for your host? I desire my website loaded up as quickly as yours lol

  14. A motivating discussion is definitely worth comment. I do believe
    that you need to publish more on this subject matter, it may not be a taboo matter
    but generally people don’t speak about these issues.
    To the next! Kind regards!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Website