MÃE

    _ Mãe, estou chorando! _ Cessa o pranto, meu filho, eu te acalanto.   – Mãe, estou com frio! – Vem cá, meu filho, sou teu abrigo.   – Mãe, estou com medo! – Fica aqui, meu filho, eu te rodeio.   – Mãe, estou sozinho! – Nunca, meu filho, tens meu carinho.   – Mãe, estou triste! – Te alegra, […]

Mãe negra escrava

    Escurece todos os dias na senzala. A mulher negra exibe com temor o ventre não livre e o horror à luz de mais um dia se exala…   É o tempo que subtrai a liberdade que inibe a arbitrariedade. O escuro passa a ser tão importante: sinônimo de proteção naquele instante.   Nascer […]

MARIANA – MAR DE POESIA

  Há quem faça da vida uma constante poesia. É o caso dos sonhadores, por exemplo. E há quem faça da poesia uma constante na vida. Esses são os poetas, também sonhadores, que buscam, por meio da arte de poetar, retratar seus anseios e os alheios. E, se houve quatro cavaleiros do apocalipse da literatura, […]

Ser Mulher

Passos silenciosos sobre pedras pontiagudas cravadas com afinco no solo da tua vida. Caminhas generosa, distribuindo alegria mesmo que o teu trilhar, muitas vezes, seja agruras.   Vais, calmamente, desenhando o teu destino, ainda que a tangente do desânimo te atinja, ao ser discriminada e injustiçada em teu caminho, ergues, confiante, tua bandeira destemida.   […]

Eu e Florbela

Venha cá, Florbela, vamos conversar. De onde você tirou estes versos tão amargos, tão tristes e tão fortes? Como sabe você, que ando perdida, que não tenho norte, que sou a irmã do sonho e desta sorte, e que sou a crucificada, a dolorida? Sombra de névoa tênue e esvaecida, que o destino impele brutalmente […]